Top Ad 728x90

16 de jun de 2009

CAPITALISMO SELVAGEM

Longa protagonizado por Clive Owen e Naomi Watts, Trama Internacional (The International), chega aos cinemas e mostra um banco como o vilão da história

Por André Moreira


O diretor Tom Tykwer tem no currículo um dos filmes alternativos mais festejados pela crítica e público de todos os tempos. Com Corra, Lola,Corra (Run, Lola, Run), seu filme mais emblemático e de pegada videoclíptica, Tykwer ganhou notoriedade e pode avançar com outros projetos, como o bom Perfume, adaptação do best seller de Patrick Süskind.
Agora sua nova empreitada é totalmente diferente e porque não dizer, com um quê de realidade. Em Trama Internacional (The International) o diretor lança à baila a crise econômica e o papel de um banco junto à ela. Buscando inovar, seu filme coloca um grande corporação como o grande vilão da história e executivos como os peões que a cada jogada precisam dar o xeque-mate em seus adversários para manter o status quo, financiando até mesmo armamentos.
Em Trama Internacional, que estreia nesta sexta, 19, vemos Clive Owen (Sin City) como um atormentado agente da Interpol Louis Salinger que tenta desbaratar uma grande corporação (o banco IBBC) envolvida uma série de assassinatos e corrupção. Naomi Watts (King Kong) é a promotora Eleanor Whitman que o ajuda na empreitada ao tentar levar os responsáveis ao tribunal.


Tykwer lança mão do suspense para prender o público, mantendo a tensão do filme em cada olhar, cada palavra de seus personagens. Tudo isso permeando sua trama com doses ideais de ação sem cair na violência bruta e desnecessária, o que em filmes que lidam com temas envolvendo grandes corporações, se mostra um acerto muito bem vindo. A cada tomada mostrando os grandes prédios fica nítido que ali estão os verdadeiros antagonistas do agente interpretado por Clive Owen e o tamanho de sua onipotência ao longo do filme. Uma das cenas que merecem destaque é a do tiroteio e perseguição no Museu Guggenheim de Nova York em meio a obras de arte virtuais. Uma cena bem dirigida e o climax de um filme que nos faz pensar o quanto somos impotentes frente ao tamanho de um vilão inatingível: o sistema.





0 Comentários:

Top Ad 728x90