Top Ad 728x90

25 de jan de 2013

,

CRÍTICA: JOÃO E MARIA - CAÇADORES DE BRUXAS


Filme na linha "Van Helsing" não empolga e desperdiça uma boa história

Por André Moreira

Jeremy Renner parece ser mesmo um pé-frio. Nada que o ator tenha protagonizado atualmente tem dado certo, vide sua atuação no último filme da franquia Bourne, onde não conseguiu suplantar o carisma de Matt Damon, o protagonista supremo dos três últimos filmes. Agora o ator se aventura em mais um longa, dessa vez pegando carona na febre de releituras de clássicos contos de fadas. João e Maria - Caçadores de Bruxas (Hansel and Gretel - Witch Hunters) é mais um filme desse filão que já nos brindou com Espelho, Espelho Meu de Julia Roberts (até ela entrou na dança com esse fraco filme de uma pálida Branca de Neve) e Branca de Neve e o Caçador (outro que desperdiçou o conto de Branca de Neve, apesar da ótima produção). E o resultado é enfadonho. Tanto o filme como os protagonistas.
O longa reconta sob outro ponto de vista as agruras por que passam as crianças do clássico conto, o que faz com que João (vivido na fase adulta por Renner) e Maria (Gemma Arterton, a bond girl de Quantum of Solace) se tornem sem mais nem menos exímios caçadores de bruxas com habilidades marciais que fariam o maior lutador de MMA ruborizar e retornar às aulas no tatame. Sem falar no perfeito manejo de armas "modernas" para a época em que se passa a trama. Isso tudo sem mostrar como conseguiram tais habilidades para se tornarem matadores de bruxas de aluguel.


Mesmo com referências à clássica história em que bebeu da fonte e com muitos elementos dos habituais filmes de ação de hoje em dia, a trama não empolga e desde o início nos mostra que caminha para um final óbvio e pouco inventivo. Em vez disso encontramos clichês do gênero, o que reforça a pouca imaginação dessa produção protagonizada por dois atores que nasceram para serem coadjuvantes dado a falta de carisma de ambos. Como filme de ação João e Maria - Caçadores de Bruxas naufraga e corre o risco de disputar as "sessões da tarde" futuras ao lado do execrável Van Helsing, outro "clássico" do gênero.

0 Comentários:

Top Ad 728x90