Top Ad 728x90

30 de jul de 2013

X-MEN: DIVULGADO VIRAL DAS INDÚSTRIAS TRASK

by
Por André Moreira

Caiu na rede o primeiro viral para divulgar X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido, novo filme da franquia mutante que estreia no ano que vem e mostrará o futuro apocalíptico em que vivem os personagens. O viral mostra a propaganda dos Sentinelas, robôs criados pelas indústrias de Bolivar Trask para caçar os mutantes. Caberá aos X-Men mudarem a história mandando um de seus integrantes de volta ao passado e alterar o futuro. Veja o video abaixo e novas fotos da produção mostrando os temíveis robôs.




25 de jul de 2013

CRÍTICA: WOLVERINE IMORTAL

by

Wolverine retorna em filme empolgante

Por André Moreira

A tarefa não era fácil depois do fiasco que foi X-Men Origens: Wolverine, filme que naufragou em críticas negativas graças a seu roteiro frouxo e que jogava no lixo toda a bem desenvolvida origem do personagem criado nos quadrinhos. Com uma miscelânea de personagens equivocadamente colocados como coadjuvantes, o filme dirigido por Gavin Hood subvertia a origem do herói mutante jogando por terra a possibilidade de um filme memorável para um personagem com bastantes possibilidades.
Mas parece que o diretor do novo filme de Logan, James Mangold (que já havia dirigido Hugh Jackman no fraco Kate e Leopold), fez a lição de casa direitinho. Sua versão cinematográfica para a clássica HQ do personagem, Eu, Wolverine de Chris Claremont e Frank Miller, Wolverine Imortal (The Wolverine) não só faz jus ao personagem como também diverte do início ao fim.
Depois de diversos adiamentos pelos mais diversos motivos que vão do problema nas usinas em Fukushima (que inviabilizou a ida da equipe de filmagem para o Japão temporariamente) passando por uma troca de diretor (Darren Aronofsky de Cisne Negro estava cotado para a direção) e a péssima recepção ao filme anterior já citado, o longa pode enfim ser realizado trazendo em seu roteiro o melhor do personagem e seu universo.
A trama - que começa após os acontecimentos de X-Men: O Confronto Final - leva Wolverine ao Japão, lugar onde ele havia salvado um homem na Segunda Guerra da explosão atômica em Nagasaki. Agora esse mesmo homem, que se tornou um rico magnata dos negócios, convoca Logan para lhe fazer uma oferta: acabar com sua imortalidade e viver como um ser humano normal. Mas durante essa visita Logan se vê envolvido em uma teia de mentiras e traições em um lugar de extrema tradição e códigos de honra. 
Após tantos filmes vivendo o personagem, Hugh Jackman parece estar cada vez mais a vontade como o mutante mais carismático dos X-Men tanto é seu desembaraço ao viver o mutante. Indicado ao Oscar esse ano por Les Miserablés, Jackman mostra na tela que no futuro vai ser difícil passar o bastão do personagem para outro ator.  



A principal virtude de Wolverine Imortal está no aprofundamento do caráter de Logan, coisa que não se via nos X-Filmes anteriores e também por ir além das barreiras criativas impostas pelas histórias em quadrinhos que tanto dificultam a transposição para o cinema. Neste longa você vê um filme com todos os bons elementos de ação, suspense e pitadas de comédia colocadas na hora certa sem desandar a receita. Em especial as cenas de lutas marciais e a que se desenvolvem em cima do trem bala acelerando a 200 quilômetros por hora. De tirar o fôlego. Vale destacar a atuação da atriz Rila Ai Fukushima, que desfila humor graça e destreza nas cenas de ação. A parceira e guarda-costas  perfeito para Wolverine em um filme que vai além de ser um prequel de X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido, próximo aventura da franquia mutante que desembarcar nos cinemas no próximo ano e terá mais uma vez Logan como a principal atração.
No final se confere que Mangold foi a escolha certa para esse retorno de Wolverine e a chance do personagem não naufragar de vez nas telas do cinema.

Uma dica: Opte por assistir o filme na versão 2D. A versão 3D, ruim desde o ínicio da projeção, é absolutamente dispensável.
 

23 de jul de 2013

X-MEN E HOMEM-ARANHA GANHAM NOVOS CARTAZES

by
 
Por André Moreira

Eles são a aposta para o cinema em 2014 e tem como principal missão não só surpreender os fãs de quadrinhos como também manter o mesmo saldo positivo deixado por seus antecessores este ano até agora, Homem de Ferro, Homem de Aço e quem sabe, Wolverine que estreia neste fim de semana seu ótimo novo filme. E enquanto a estreia não chega resta ao fãs esperar e se animar com os cartazes de divulgação (que você vê neste post) que as produções de X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido e Homem-Aranha 2 tem liberado para os fãs.

Os mutantes mais famosos dos quadrinhos e agora dos cinemas ganharam dois ótimos cartazes mostrando a junção do passado e presente dos personagens Magneto e Professor X (divulgados na revista Entertainment Weekly)
Para quem ainda não sabe, a trama do novo filme do supergrupo adaptará a clássica história dos quadrinhos dos X-Men onde mostra o futuro apocalíptico dos mutantes. Na história original a X-Man Kitty Pride viaja no tempo ao trocar de corpo com seu eu jovem para impedir o assassinato de um importante Senador contrário aos mutantes. Assassinato esse que desencadeia o projeto sentinelas e a caça a todos os mutantes do planeta. Porém, fontes garantem que no filme será Wolverine - sempre ele -  e não Kitty que viajará no tempo para impedir o assassinato orquestrado pela Irmandade de Mutantes. É esperar julho do ano que vem para ver e confirmar se essa e outras alterações na obra original serão feitas.


Já o amigo da vizinhança Homem-Aranha ganhou um cartaz onde aparece na parede e outro encarando o vilão do momento, Electro (vivido por Jamie Foxx). A sinopse oficial do filme não foi divulgada, mas o longa terá a missão de ser melhor que o fraco primeiro filme com Andrew Garfield no papel de Peter Parker/Homem-Aranha. Boatos dão conta que a Gata Negra pode aparecer nesta nova aventura, mas nada foi confirmado até agora. Homem-Aranha 2 tem previsão de estreia para o dia 02 de maio.


17 de jul de 2013

AGENTES OF S.H.I.E.L.D JÁ TEM DATA DE ESTREIA NOS ESTADO UNIDOS

by
Por André Moreira

O seriado que será um spin off de Os Vingadores, Agentes of S.H.I.E.L.D,  já tem data de estreia nos Estados Unidos. A versão live action dos agentes criados nos quadrinhos da Marvel chegam à TV americana no dia 24 de setembro deste ano no canal ABC. No Brasil o seriado ainda não tem data de estreia.
Entre os protagonistas está o agente Phill Coulson (Clark Gregg), personagem que esteve presente em todos os filmes da Marvel no cinema e aparentemente faleceu no filme dos Vingadores. Como ele "retornará à vida" ainda é um mistério. 
A série mostrará uma pequena divisão da S.H.I.E.L.D solucionando mistérios e crimes bizarros. A direção é do cultuado Joss Whedon, responsável pelo sucesso dos Vingadores no cinema. Veja o trailer logo abaixo:

15 de jul de 2013

MUTANTE DESTRUTOR TAMBÉM RETORNA EM X-MEN: DIAS DE UM FUTURO ESQUECIDO

by
Lucas Till retorna em X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido (reprodução internet)
Por André Moreira

O diretor Bryan Singer (Superman - O Retorno) vem utilizando seu twitter para mostrar um pouco do que está por vir em X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido, adaptação da clássica história em quadrinhos que mostra os pupilos do Professor Xavier em um futuro apocalíptico onde a maioria dos mutantes fora dizimada ou confinada em campos de concentração.
Agora o diretor postou uma foto (acima) do ator Lucas Till, que viveu Destrutor (Alex Summers, irmão de Ciclope) em X-Men: First Class, no set de filmagem do longa vestido com roupas do exército.
X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido irá reunir todos os personagens da franquia mutante e marca o retorno de Singer na direção depois de ter abdicado da terceira aventura do grupo para se dedicar ao - fraco - filme do Superman na época.

CAPITÃO AMÉRICA 2 GANHA PÔSTER PARA COMIC-CON DE SAN DIEGO

by

Por André Moreira

Faltam poucos dias para a San Diego Comic-Con e alguns filmes já se preparam para fazer seu grande lançamento na maior feira do gênero. E um desses filmes é a sequência de Capitão América. 
Capitão América 2 - O Retorno do Primeiro Vingador ganhou um pôster conceitual (acima) especialmente para o evento que deve reunir - como sempre - todos os nerds do mundo, que em sua maioria aproveitam para fazer suas versões Cosplay (espécie de fantasia) dos principais personagens dos quadrinhos, mangás e filmes. Isso sem vergonha alheia alguma, diga-se de passagem.
Mas voltando ao filme do Capitão, o longa estreia dia 01 de maio de 2014 e trás Chris Evans novamente como o Super Soldado.. Scarlett Johansson, Samuel L. Jackson e Emily VanCamp retornam para esta segunda aventura que começa após os eventos do primeiro filme e do longa dos Vingadores.

12 de jul de 2013

CRÍTICA: O HOMEM DE AÇO

by

Superman retorna em filme que peca pelos excessos

Por André Moreira

Há um bom tempo se falava de uma reestruturação do Homem de Aço nos cinemas, principalmente do fraco filme dirigido por Brian Synger (X-Men) e estrelado pelo apagado Brandon Routh (que parece ter caído no esquecimento depois de aposentar a capa do Superman). A responsabilidade era ainda maior por bons e importantes motivos.  Se afastar da sombra do filme criado com maestria por Richard Donner e protagonizado por Christopher Reeve, que apesar de tantas décadas depois ainda é lembrado como o Superman definitivo no imaginário dos amantes de quadrinhos e cinema e de quebra preparar o terreno para a possível “invasão da DC Comics” no cinema para rivalizar com a Marvel Studios que tem conseguido ótimos resultados não só em bilheteria como também na realização de seus recentes filmes para a tela grande. Sucesso esse que deve perdurar ainda por mais alguns anos.

E o principal motivo está no personagem em si. Superman é um personagem tão icônico quanto Batman (que teve uma trilogia no cinema à altura de sua importância) e um filme nesse momento precisaria ser acima da média. Uma produção extremamente caprichada como a realizada para seu parceiro de Gotham, um ótimo roteiro e boas e convincentes atuações. Um fardo pesado principalmente para o até então não tão famoso Henry Cavill, ator que agora enverga o manto do kriptoniano prometendo estabelecer uma nova e vindoura franquia para o personagem na tela grande.  Liderando um bom elenco, Cavill dá conta do recado, mas o filme nem tanto.
Henry Cavill se sai bem como o novo Superman
Com uma ótima primeira meia hora de seqüências bem realizadas tendo Kripton, planeta natal do herói, como cenário, o longa dirigido por Zack Snyder infelizmente descamba para mais do mesmo com cenas de lutas que beiram o exagero já visto em filmes de Roland Emerich (Um Dia Depois do Amanhã) e Michael Bay (Transformers). Talvez na busca para fugir do marasmo que reinou no filme do Synger, Snyder tenha errado a mão nas cenas de batalha e no tom sombrio do longa numa vã esperança de recriar o ambiente gótico de Batman. O problema aí é que Superman e Batman são dois opostos e recriar o filho de Kripton à imagem do Homem-Morcego soa estranho.

Depois de um início promissor explosões, raios e naves intergaláticas tomam conta do filme tornando seu elenco obsoleto. Uma pena ver Amy Adams e Lawrence Fishbourne em atuações aquém de seus talentos e aquém de seus personagens, tão importantes na cronologia do Homem de Aço. Aqui soam como arremedos de coadjuvantes. Kevin Coster é o único que se sobressaí entre eles e tem bons momentos. No resto tudo foi suprimido em detrimento de uma história baseada apenas em (excelentes) efeitos especiais. O que falar de Michael Shannon? Exagerado do início ao fim. Terence Stamp fez melhor décadas atrás. 
Para os amantes dos quadrinhos vale a pena encontrar referências a gibis clássicos do herói de Kripton, como a clássica origem recriada nos anos 80 pelo célebre argumentista e desenhista John Byrne.  No mais o filme, apesar de não superar o clássico de Donner, reinventa o herói, o apresenta para uma nova geração e abre espaço para um possível filme da Liga da Justiça, longa que até agora ainda não saiu do papel mas promete – se realizado – ser um acontecimento na tela grande. Para os fãs resta aguardar.
Homem de Aço estreia nesta sexta no Brasil depois de conquistar uma excelente bilheteria em sua estreia nos Estados Unidos no mês passado e garantir uma sequência antes mesmo de sua estreia.  

9 de jul de 2013

MARIA GADÚ CANTA EM NEW YORK

by
Foto divulgação
Por André Moreira

Maria Gadú parece estar colhendo os louros de sua carreira em terras estrangeiras. Viajando pelo mundo com sua nova turnê, a cantora agora chega aos Estados Unidos para mais uma série de shows que promovem seu segundo cd, "Mais uma Página". E no dia 20 de julho a cantora sobe ao palco do Teatro da Universidade de Nova York para celebrar a ótima fase. Gadú está na Europa neste momento cumprindo sua agenda de  shows ao lado de sua namorada, Lua (com ela na foto).

Foto instagram/ reprodução


VEJA DOIS NOVOS COMERCIAIS DE "CÍRCULO DE FOGO"

by

Por André Moreira

A ficção científica que mistura monstros e robôs gigantes, Círculo de Fogo (Pacific Rim), dirigida por Guilhermo Del Toro (Labirinto do Fauno) ganhou mais dois novos comerciais de tv para o mercado americano. O longa chega aos cinemas em agosto prometendo ser mais um blockbuster a garantir boa bilheteria e  rivalizar com os super-heróis da Marvel e DC Comics que estão dominando os cinemas nos últimos anos. 
Círculo de Fogo mostra a batalha dos humanos contra os Kaiju, monstro gigantes que remetem as famosas criaturas do cinema japonês. Para enfrentar as criaturas os humanos criam robôs gigantes. Idris Elba lidera o elenco. Veja os comercias logo abaixo.


8 de jul de 2013

O RETORNO DO VELHO VINIL EM TEMPOS DE INTERNET

by


 Mesmo em tempos de download de músicas, o bom e velho vinil encontra seu espaço na internet

Por André Moreira

Os tempos são outros e os hábitos também.  Décadas atrás ter uma vitrola para tocar um disco de vinil e escutar os sucessos de seu cantor favorito era um luxo. Hoje a história é diferente. A música cabe na palma de uma mão graças aos modernos Ipods e até mesmo smartphones de última geração.  Basta baixar através de um aplicativo e poder levar suas músicas prediletas aonde for. Mas de uns tempos para cá parece que o passado tem encontrado o presente de uma maneira inusitada. Os antes onipresentes vinis que tanto fizeram sucesso em casas e boates da moda ao redor do globo voltaram à moda e hoje são cultuados como artigos de luxo por colecionadores não só no Brasil, mas também no resto do mundo.  E muitos desses colecionadores estão conseguindo encontrar grandes clássicos do passado em formato de vinil através dos maiores classificados do Brasil on line. Neste espaço virtual é possível comprar e vender todos os gêneros no formato de LP sem precisar sair de casa. É a internet tornando a vida dos amantes da boa música mais fácil e prazerosa. Quem poderia imaginar essa inusitada parceria.

De acordo com pesquisas recentes, a venda das antigas bolachas pretas, também conhecidos como LP (long play) tem aumentado consideravelmente. Alguns especialistas afirmam que esse aumento se deve principalmente ao baixo custo e ao fato de muitos artistas estarem lançando seus trabalhos também neste antigo formato.

A Polysom, única fábrica de vinil da América Latina, aproveitando o bom momento, tem produzido vinis de artistas populares como Zeca Baleira, Maria Gadú e Maria Rita, entre outros. E o fato de muitos colecionadores estarem utilizando a internet para comprar e vender vinis antigos e “novos” tem ajudado na propagação de um formato que tem se tornado Cult, ao contrário de seu predecessor, o cd, que sofre ainda hoje com a triste pirataria. De forma irônica o vinil parece ter se tornado uma espécie de tábua de salvação para a música brasileira, o nixo a ser novamente explorado, mesmo que ainda de forma tímida para os padrões da atual indústria fonográfica, lógico.

Fora o fato de o antigo LP (long play) guardar a magia do passado e a nostalgia que muitos colecionadores buscam um material como esse. E nem só de “antigos” amantes do vinil vive este velho conhecido da vitrola. Jovens tem buscado muito o formato na hora de ouvir música e decorar a prateleira. Mais uma prova de que o presente e o passado caminham juntos.

Top Ad 728x90